domingo, fevereiro 21, 2010

COMBATER A DITADURA FASCISTA MUNDIAL

“Todo aquele que desafiar a ortodoxia prevalente, dá por si silenciado, com uma eficácia surpreendente. Uma opinião fora da norma, praticamente nunca tem direito a uma audiência justa.”

(George Orwell)

Caro leitor:

Perca uns minutos a ler os artigos deste blogue sobre o “meu” processo disciplinar e perceberá, facilmente, aliás, que a “coisa pública”, a “respublica”, a “democracia”, a "justiça", simplesmente não existem e que vivemos num mundo controlado por fascistas (o "outro" chama-lhes "reptilianos").

Qual é a alternativa?

Sermos o nosso Ego Real, a nossa Consciência Infinita, o nosso Espírito Imortal e ter Fé no Criador, no sem Rosto, no sem Nome, Que TUDO fez de Si e em SI, pois a única Verdade é o Seu Amor, denunciando, com a consciência esclarecida, os planos dos apaniguados de Satã que reduzem a “vida” a esta passagem terrena e em que nos querem controlar a todos, mental, emocional, física, química e medicamente para nos tornarmos seus escravos…

Porém, quem quiser seguir este Caminho que proponho terá que enfrentar a inicialmente citada afirmação de George Orwell, na luta contra a Ditadura Fascista Mundial daqueles que se pretendem "os senhores do mundo"…
Mas, como dizia o Mestre, "na casa do meu Pai [em toda a Existência] há muitas moradas".
A dignidade de cada um ser um ser irrepetível e livre foi-nos dada, a todos, por "Ele", e nenhuma "criatura" sua o pode impedir, assim o queira cada um de nós.

Já agora, pense nisto!

1 Comments:

Blogger ELEMENTOS said...

Eu já li o anotado no blog.
Eu vivo uma situação "parecida".
Mas o mais incrível...é que aqueles que me conhecem...que se sentaram nas cadeiras do CEJ a meu lado....ou ao redor...tiveram a solidariedade de nunca terem uma palavra de apoio para com a vitima de um Processo Inquisitório e Maquiavélico...
E são eles Magistrados!?
Muitos passam por mim…e fingem que não me conhecem! Chegaram a este ponto…
Como se eu fosse a desmerecida, quando o atropelo legal e vitupério, se processou na minha pessoa…e já à longa data tal atropelos se vinham cometendo, pelos mesmos sujeitos e contra outras pessoas.
Eu compreendo o que tal cunho irá ficar indelével mente na sua aura.
O anormal, seria se não ficasse.
Mas perante esta sociedade legal…a única opção é sobreviver.
A injustiça, o sofrimento…nunca lho vão tirar…ele permanecerá sempre consigo! Temos de aprender a com ele conviver.
A verdade está do seu lado. É o seu legado.
No seu caso, parece que o Santo Inquisidor já se reformou…
No meu …, ah! No meu…os carrascos… eles continuam a prejudicar a vida de outros…que passaram pelo mesmo sofrimento…porque os algozes naquela casa maldita (CEJ), o permitem!
Porque as acções ficam com quem as pratica.
E um dia eles terão de prestar contas a alguém….Todos Eles….
Espero que nessa altura também finjam que não me conhecem!! ;)

6:23 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

on-line
Support independent publishing: buy this book on Lulu.