quarta-feira, setembro 12, 2007

CASO MADDIE: O ÁLIBI IRREFUTÁVEL DO CASAL MC CANN




Segundo a comunicação social, foram encontrados diversos cabelos da pequena Maddie no lugar do pneu de socorro do carro alugado por seus pais.

Tal carro foi alugado 25 (vinte e cinco) dias depois do desaparecimento da criança e os ditos cabelos apenas foram encontrados cerca de três meses depois do desaparecimento, com o mesmo veículo ainda na posse do casal Mc Cann.

Segundo a comunicação social, tal significa, para a polícia, que o corpo da menina desaparecida foi transportado, pelos pais, em tal viatura.

Ora, das duas, uma: ou o corpo estava vivo ou já era cadáver.

Afirmar que estava vivo e com os pais parece uma “piada” de mau gosto, não só porque a mesma comunicação social tem afirmado que a polícia defende a tese de que a criança estava morta quando foi anunciado o seu desaparecimento, como ainda porque, logo que foi anunciado o desaparecimento, a comunicação social assentou arraiais na Praia da Luz e toda ela e o POVO que para ali fluiu, controlavam ao pormenor os passos do casal Mc Cann, pais da Maddie.

Mais: foram distribuídas fotografias da criança desaparecida por tudo quanto era sítio, não só na localidade do desaparecimento, mas na mesma comunicação social, na net e o retrato da menina e esta história correram Mundo.

Como podiam, pois, os pais mantê-la viva, consigo, sem que ninguém desse por ela?

É absurdo!

Se estava morta, as mesma razões anteriores objectam a tal afirmação, com a agravante de que um cadáver ao fim daquele tempo “cheira”, não só para cães pisteiros, ingleses, nacionais ou de qualquer outra nacionalidade, mas também para os humanos.

Além disso, o casal teve consigo outros dois filhos gémeos, ainda bebés, que “atrapalhariam” qualquer tentativa de transporte do cadáver.

Os Mc Cann, contra os “factos”, resultado de exames laboratoriais, têm um álibi irrefutável (e do conhecimento público e portanto, do conhecimento oficioso das polícias e magistrados), de que a “leitura” que se conhece da sua responsabilidade pelo que aconteceu não passa de uma aberração para qualquer inteligência normal e meridiana.

Se se pretender argumentar que os Mc Cann têm ligações internacionais com os “poderosos” do Mundo e o apoio destes, eu só pergunto: qual a sua motivação para todo este teatro e conluio com aqueles?

Fico-me por uma explicação mais simples e que já aqui referi: os verdadeiros sequestradores (ou assassinos), esses sim, poderosos, estão a semear “provas” para comprometer os pais.

Espero que quem de Direito “destrua” este álibi irrefutável do casal Mc Cann.

3 Comments:

Blogger sas said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

11:32 da tarde  
Blogger victor rosa de freitas said...

Este comentário foi removido pelo autor.

10:22 da tarde  
Blogger sas said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

1:14 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home

on-line
Support independent publishing: buy this book on Lulu.