quarta-feira, junho 14, 2006

A AMIZADE PERFEITA, SEGUNDO ARISTÓTELES

"(...) a amizade perfeita existe entre os homens de bem e os que são semelhantes a respeito da excelência. Estes querem-se bem uns aos outros, de um mesmo modo. E por serem homens de bem são amigos dos outros pelo que os outros são. Estes são assim amigos, de uma forma suprema. Na verdade querem para os seus amigos o bem que querem para si próprios. E são desta maneira por gostarem dos amigos como eles são na sua essência, e não por motivos acidentais. A amizade entre eles permanece durante o tempo em que forem homens de bem; e, na verdade, a excelência é duradoura. Cada um deles é um bem absoluto para o seu amigo. Os homens de bem são absolutamente bons e úteis aos outros; também são agradáveis entre si, porque quem é absolutamente bom é também absolutamente agradável. (...) se, por outro lado, as acções dos homens de bem são iguais entre si ou pelo menos semelhantes umas às outras - então, uma tal amizade baseada na excelência é, com bom fundamento, duradoura, porque ela combina em si todas as qualidades que os amigos devem ter.
"(...).
"Tais amizades são, de facto, raras, porque são poucos os homens desta estirpe. Além do mais, é preciso tempo e cumplicidade, pois, tal como diz o provérbio, não é possível que duas pessoas se conheçam uma à outra sem antes terem comido juntas a mesma quantidade de sal. Nem se pode reconhecer alguém como amigo antes de cada um se ter mostrado ao outro digno de amizade e merecedor de confiança. Pessoas que depressa produzem provas (exteriores) de amizade entre si querem ser amigos, mas não podem sê-lo logo. É preciso primeiro que se tornem dignos de amizade e se possa reconhecer neles essa mesma dignidade. O desejo de amizade nasce depressa, mas a amizade não."
(Aristóteles, "Ética a Nicómaco", Livro VIII, III, 1156b1, 5-15, 25)
COMENTÁRIO:
Quantos "amigos" pensei que tinha e quantos, a final, o são. Poucos são os que partilham comigo a excelência de sermos Amigos sem outro qualquer interesse que não apenas o mesmo e comum ponto de vista sublime, a mesma e comum excelência aristotélica...

3 Comments:

Blogger pamela said...

a amizade é uma coisa
que agente tem que saber
conserva....

12:00 da manhã  
Blogger Rafael said...

Olá estou fazendo um trabalho de metodologia que é uma pequena monografia e estou pensando em fazer sobre a amizade pois me enteressei no assunto, mas pelo o que andei pequisando nao tm omentadores sobre esta questão seraque alguem pode me ajudar....................................rafaeloar@hotmail.com

4:22 da manhã  
Blogger M.F.L.F.M said...

A Amizade Perfeita...
É estranho pensar que no jardim de infância éramos só seres humanos e só isso já bastava para ter um laço de amizade ao longo dos anos. Agora, não entendemos nem quem somos e as pessoas ao nosso redor já não parecem mais as mesmas fazendo com que nós tenhamos mais cuidado.

12:12 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home

on-line
Support independent publishing: buy this book on Lulu.