quarta-feira, março 30, 2011

No dia de ontem, fui assaltado...pela GNR!

Ontem, fui assaltado pela GNR!

É verdade!

Com o pretexto de que circulava a mais de 50 Km/h numa zona rural, que "eles" entendem ser uma "localidade", extorquiram-me 120 €.

Explico-me.

Encontrei-me com o meu "velhote" (o meu pai de 82 anos de idade) e íamos para a "Barragem de Magos".

Passo por ali, naquela direcção, diversas vezes por semana.

Eis senão quando sou mandado parar pela GNR-Brigada de Trânsito, cujo agente me pede os documentos, pessoais e da minha viatura.

Entrego-os.

Só então me diz o agente que me mandara parar porque "lá atrás" havia sido detectado em "excesso de velocidade".

Retorqui que não dera por isso, que era um condutor exemplar e que sempre havia respeitado as placas de limite de velocidade, bem como as regras legais quanto a tais limites e sempre com respeito pela prudência na condução própria e tendo em atenção terceiros.

Afirmou-me o agente que fora detectado por um "radar", algures atrás do local desta abordagem.

Pedi-lhe que concretizasse o local da alegada infracção e a "prova" da mesma.

Retrocou-me que me devia dirigir, para tanto, à "autoridade da segurança rodoviária" e que me ia autuar e que deveria pagar ou depositar, logo ali, a respectiva coima, sob pena de, não o fazendo, me serem retidos a carta de condução e os documentos da viatura, embora me passassem guias de substituição e que os documentos originais me seriam devolvidos com o pagamento da coima ou o seu depósito.

Aceitei pagar o depósito (pois pudera, perante a alternativa que me era posta de ficar sem os documentos referidos).

E paguei.

Através de Multibanco.

120 €.

Fui assaltado em 120 €.

Pela GNR.

Pelo Estado.

Estado falido e que não hesita em assaltar os cidadãos.

Como foi o meu caso.

Portugal vai à falência?

Sem dúvida!

Com Sócrates ou Passos Coelho, tudo é igual.

A "mentalidade" de assaltante do Estado mantém-se e é um lugar comum, por mais variações "políticas" que se façam.

Ontem fui assaltado pela GNR.

Mas não foi caso único.

Muitos outros o foram também.

No dia de ontem, fui assaltado...pela GNR!

Já agora, pense nisso!

Sempre lhe pode calhar a si.

1 Comments:

Blogger princezinha said...

oi... ontem tambem me assaltaram o carro, e levaram a minha mala com carteira com todos os meus documentos, os meus oculos de visao (com um mes, super novos) entre outros pertences! eu nao assisti ao assalto, mas confesso que estou revoltada com a situação! so ontem na minha zona a psp recebeu desde as 11hrs da manha participaçoes sobre assaltos e nada fez! nem patrulha na zona! que policiais temos nos afinal??? que dizem simplesmente "agora fica com o prejuizo nada feito, ja passaram 24h" não é justo! estou mesmo em estado de choque! directamente nao fiquei sem o dinheiro, mas naquela mala foram 250 euros (valor dos oculos, lentes de contacto, etc...) mais o valor de novos oculos! nao e brincadeira nenhuma! é mesmo revoltante! bem aja.

10:13 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

on-line
Support independent publishing: buy this book on Lulu.